Cassio Diego

cassiodiego.com

Paraense de 26 anos, analista e desenvolvedor de sistemas

Fechar

Blog

Previous Next

F1 2013

Impressões sobre o Nintendo 3DS XL

image

Já havia testado um Nintendo DS, 3DS, PSP e PS Vita. Porém somente na semana passada tive a vontade de comprar um desses consoles portáteis em que não preciso ter sempre um tv a minha disposição pra jogar e outra posso levar pra qualquer lugar sem problemas sem ter que jogar no iPhone e descarregar a bateria do celular.

Depois que decidi comprar fiquei na dúvida entre 2 aparelhos: 3DS e PS Vita, claro que não podemos comparar a qualidade de graficos dos aparelhos e sim a modalidade que cada console te oferece em jogos.

No final das contas acabei escolhendo a opção em jogos Acarde que a Nintendo oferece  e comprei o 3DS XL para poder jogar os clássicos Super Mario 64, Mario Kart 7, Legend of Zelda, Sonic… sem precisar estar em um computador usando emulador e ainda contar com o recurso 3D.

Nessa resenha comentarei as minhas primeiras impressões sobre o Nintendo 3DS, é uma resenha pra quem assim como eu não possui um console portátil desde os tempos de gameboy.

O Nintendo 3DS foi lançado em 26 de fevereiro de 2011 no Japão e o seu sucessor: 3DS XL (8ª Geração), foi lançado aqui no Brasil em 1 de setembro de 2012.

A mídia utilizada são os cartuchos de 3DS XL com Retrocompa-
tibilidade nos jogos de 3DS, DSi, DS. Possui  CPU Nintendo ARM 11 de 266 MHz e PICA200 de 133 MHz, memória 128MB FCRAM. O console portátil também conta com conectividade Wi-Fi 2,4 GHz e infravermelho e uma camera de 0,3 MP com 3D.

A resolução é 90% maior como diz na caixa 800x240 px na tela superior e 340x240 px na tela touch inferior. O acabamento melhorou um pouco (só não gostei de removerem o LED do 3D quando ativado) e também está um pouco mais pesado, com 336 gramas.

Um fator importante é a bateria que agora dura até 6 horas utilizando o recurso 3D.

Pontos que eu considero negativo: a tela touch funciona perfeitamente apenas com o auxilio do caneta stylus (funciona com o dedo, mas não com qualidade) e o carregador nos moldes americanos (eu por exemplo tenho q usar um adaptador pra poder carregar aqui em casa).

Onde comprar jogos; apensar de achar caros já comprei em lojas físicas e na loja virtual brasileira da Nintendo, mas o sai bem mais em conta comprar em sites americanos e eBay, só que demora bem mais pra chegar.

voltar para o topo

Cassio Diego © 2013